José Mojica Marins, intérprete do Zé do Caixão, é internado em São Paulo aos 81 anos

Filha do ator contou ao R7 que o pai também passou por um cateterismo nesta segunda (20)

  • TV e Entretenimento
  • Juliana Moraes, do R7
Reprodução/Facebook

José Mojica Marins, intérprete do personagem Zé do Caixão, está internado em um hospital de São Paulo. O ator está em um quarto da unidade semi-intensiva se recuperando de uma infecção. Ao R7, Liz Marins, filha do artista, contou que o pai foi internado no aniversário, em 11 de março – embora tenha sido registrado apenas dois dias depois, em uma sexta-feira (13) –, chegou a ficar na UTI, mas está lúcido e passa bem.

— Ele está internado desde o aniversário dele. Ele foi internado por causa de uma infecção no cateter da diálise. Ele realiza hemodiálise três vezes por semana, depois daquela situação bem grave em 2014 [quando sofreu dois infartos]. Ele está bem, está lúcido o tempo inteiro e a família está lá com ele.

Segundo a filha do artista, os remédios antibióticos surtiram efeito e a infecção já está cedendo.

— Ele passou mal e foi detectada a infecção que, felizmente, já cedeu. O organismo reagiu de forma superpositiva aos antibióticos. A infecção passou pela corrente sanguínea, foi grave, mas ele não dava sinais. Só teve uma febre bem fraquinha. Aí quando fez a hemo, teve reação e deu os sintomas da bacteremia. Além da febrinha baixa, o local do cateter estava avermelhado. Os médicos fizeram os exames de sangue e detectaram essa infecção. Felizmente, ele respondeu bem. Ainda está internado porque tem que ingerir antibióticos mais uns dias.

Os médicos aproveitaram a internação de José Mojica para realizar um cateterismo. Porém, Liz garante que este não foi o motivo da internação.

— Hoje ele fez um cateterismo, mas esse não foi motivo dele internar. Estávamos cientes de que ele tinha um problema, mas estava estável e não valia à pena mexer. Mas como ele já estava internado, os cardiologistas conversaram conosco e acharam interessante já fazer um cateterismo para saber se estava a alteração no coração ainda era estável. Embora seja um procedimento corriqueiro, pegamos opinião de mais médicos. Como ele sempre teve problemas graves de coração e tinha a obstrução, fez o cateterismo. Colocou um stent a mais. Estou indo agora falar com um médico para falar sobre esse stent e saber se foi um a mais mesmo do outro lado para prevenir algum evento como um infarto ou se apenas substituiu o que já tinha. Mas é bom deixar claro que a internação não foi por causa do coração.

No dia da internação, os familiares comemorariam os 81 anos do artista em um restaurante de frutos do mar. E José Mojica não para de cobrar a comida para a filha.

— Ele está só cobrando o camarão do aniversário [risos]. Ele recebendo alta, vamos comemorar essa data porque não podemos deixar passar em branco. Creio que até o final da semana ele já esteja em casa. Se ele não estiver tomando mais antibiótico, vamos comemorar até com champanhe. Ele é um guerreiro em todos os aspectos e já está saindo de mais essa.