Pop Aretha Franklin morre aos 76 anos nos Estados Unidos

Aretha Franklin morre aos 76 anos nos Estados Unidos

A lendária cantora de soul estaria vivendo sob amparo de amigos e parentes na sua cidade natal, Detroit, desde que anunciou a aposentadoria, em 2017

  • Pop | Helder Maldonado, do R7

Aretha Franklin: cantora morre aos 76 anos

Aretha Franklin: cantora morre aos 76 anos

Moonlight Celebrities

Aretha Franklin morreu nesta quinta-feira (16) em, Detroit, nos Estados Unidos. A informação é da Associated Press e foi confirmada pelo produtor da diva do soul.

Segundo o veterano repórter de entretenimento Roger Friedman, do Showbiz 411, a cantora estava lidando com vários problemas de saúde nos últimos anos, o que a fez anunciar a aposentadoria em fevereiro de 2017. Desde então, ela não foi mais vista em público.

A causa oficial da morte ainda não foi divulgada, mas Aretha Franklin estava lutando contra um câncer, diagnosticado em 2010. Segundo o TMZ, a cantora teria atingido 40 quilos por conta da doença e estava muito abatida. Em uma de suas últimas aparições em público, durante partida de futebol americano entre Vikings e Lions, ela já mostrava uma aparência fragilizada, embora a voz continuasse intacta.

Considerada uma das maiores cantoras da história da música, Franklin recebeu 18 prêmios Grammy e foi a primeira artista feminina a entrar no Hall da Fama do Rock and Roll em 1987.

Ela também é uma das artistas de maior sucesso comercial de todos os tempos, tendo vendido mais de 75 milhões de discos em todo o mundo.

Diva do soul

Aretha nasceu em Memphis, mas foi criada em Detroit, Michigan. Durante a carreira, recebeu os apelidos de "Rainha do Soul" e "Dama do Soul". Além de soul e R&B, também gravou jazz, rock, blues, pop e até mesmo ópera, o que a tornou uma das mais aclamadas cantoras solo segundo a revista Rolling Stone e o canal de televisão VH1. 

Na história, é a segunda maior ganhadora de prêmios Grammy na história, atrás apenas de Alison Krauss. 

Apesar de todo o sucesso, Franklin teve apenas dois singles que foram para o primeiro lugar na lista dos mais vendidos dos Estados Unidos segundo a revista Billboard: Respect, na década de 1960 (sua canção mais conhecida) e I Knew You Were Waiting (For Me), um dueto com George Michael. 

Politizada, também já foi descrita também como "A voz do Movimento dos Direitos Civis", "a voz da América Negra" e "um símbolo da igualdade racial".

Vida pessoal

Aretha Franklin teve quatro filhos — Clarence, Edward, Ted e Kecalf — e foi casada duas vezes. O primeiro relacionamento foi com Ted White, entre 1961 e 1969, e depois com Glyn Turman, entre 1978 e 1984.

Apesar do sucesso, a vida pessoal da cantora não foi nada fácil. Além da pobreza dos anos iniciais, ela enfrentou o vício em cigarro e alcool durante boa parte da vida. Em 1992, ela largou o tabaco para que a voz não fosse prejudicada. 

Nas últimas décadas, a carreira de Aretha contava com apresentações esporádicas e poucos discos, por conta da idade avançada e problemas de saúde. O último lançamento dela foi Franklin Sings the Great Diva Classics, de 2014.

Últimas