Adoro Cinema Judi Dench defende o trabalho de Kevin Spacey e Harvey Weinstein

Judi Dench defende o trabalho de Kevin Spacey e Harvey Weinstein

Ambos receberam diversas acusações de assédio sexual e moral.

Ambos receberam diversas acusações de assédio sexual e moral.

Acusado de assediar sexualmente Anthony Rapp (Star Trek: Discovery) quando ele ainda era menor de idade, o ator Kevin Spacey foi demitido de diversos projetos dos quais estava participando, conforme mais acusações contra ele foram surgindo. O mesmo aconteceu com o famoso produtor Harvey Weinstein, que foi denunciado por uma série de atrizes, produtoras, diretoras e funcionárias de Hollywood, no geral. 

Na época, vários artistas declararam seu repúdio com os casos, como foi o caso da icônica Judi Dench, que mais recentemente esteve nos últimos filmes da franquia 007, no papel de "M". No entanto, durante uma recente entrevista ao Radio Times, a atriz deu uma declaração um tanto controversa. 

"Simplesmente vamos deixar de ver todos os filmes que Harvey produziu? Você não pode negar o talento de ninguém. Seria a mesma coisa que nunca mais olhar para uma pintura do Caravaggio. Ou nunca mais ver Noël Coward", falou Dench.

JUDI-DENCH-KEVIN-SPACEY

JUDI-DENCH-KEVIN-SPACEY

Adoro Cinema

Dench e Spacey são amigos de longa data.

Citados em seu argumentação, Noël foi um dramaturgo homossexual incluído no "livro negro" dos nazistas e posteriormente acusado de comportamento predatório. Já Caravaggio foi um famoso pintor acusado de assassinato há alguns séculos. 

No ano passado, Dench desaprovou o comportamento de Kevin, mas ressaltou que ele a ajudou em momentos importantes de sua vida, como a morte de seu marido, por exemplo. Durante esta última entrevista, ela classificou o ato de tirá-los da indústria como uma "agonia".

AdoroCinema