Cinema Milos Forman, diretor de "Um Estranho no Ninho", morre aos 86

Milos Forman, diretor de "Um Estranho no Ninho", morre aos 86

Cineasta, responsável também pelo filme "Amadeus", faleceu na madrugada deste sábado (14) após sentir um mal-estar

Milos Forman, diretor de "Um Estranho no Ninho", morre aos 86

Milos Forman morre aos 86 anos, nos Estados Unidos

Milos Forman morre aos 86 anos, nos Estados Unidos

Getty Images

Milos Forman, diretor do filme "Um Estranho no Ninho", morreu na madrugada deste sábado (14), nos Estados Unidos, aos 86 anos, após sentir um mal-estar. A informação foi confirmada por Martina, esposa do cineasta, e divulgada pela agência de notícias tcheca CTK.

"Sua partida foi calma e ele foi cercado o tempo todo por sua família e seus amigos mais próximos", disse ela.

Forman nasceu na cidade de Caslav, na República Tcheca, em 1932, e iniciou a carreira no cinema nos anos 1950, quando ingressou na Academia de Cinema de Praga. A estreia como diretor foi com "Black Peter" ("Pedro, o Negro", em português), longa satírico que, cheio de críticas, desagradou autoridades comunistas.

Em 1968, o diretor se mudou para os Estados Unidos, onde lançou dois de seus maiores sucessos: o próprio "Um Estranho no Ninho", em 1975, e "Amadeus", em 1984. Os filmes renderam 13 Oscars, incluindo o de melhor diretor.

Milos Forman se casou três vezes - estava com Martina, a atual mulher, desde 1990 - e teve quatro filhos.

    Access log