Nada a Perder Cinema
Cinema 'Nada a Perder' tem metade da bilheteria dos cinemas em 2018

'Nada a Perder' tem metade da bilheteria dos cinemas em 2018

Cinebiografia do bispo Edir Macedo vendeu 12,1 milhões de ingressos no Brasil e consolidou o maior público das telonas da história nacional

Ingressos nada a perder

Petrônio Gontijo interpreta o bispo Edir Macedo em 'Nada a Perder'

Petrônio Gontijo interpreta o bispo Edir Macedo em 'Nada a Perder'

Divulgação

O público do cinema brasileiro cresceu em 2018: o ano fechou com 29,9% mais espectadores que em 2017. E o principal responsável pela alavancada nas bilheterias foi o longa Nada a Perder, cinebiografia do bispo Edir Macedo. Com mais de 12 milhões de ingressos vendidos, a produção registrou 50% do público do cinema nacional do ano passado.

Os dados fazem parte do relatório produzido pelo site Filme B, voltado para o mercado cinematográfico nacional, e vão de encontro ao levantamento divulgado pela Ancine (Agência Nacional do Cinema) em novembro.

Ainda de acordo com o Filme B, outros três filmes ultrapassaram a marca de um milhão de espectadores em 2018, todos comédias: Os Farofeiros (2,6 milhões), Fala Sério, Mãe! (2,4 milhões) e Tudo por um Popstar (1,2 milhões).

Longa mostra a trajetória de Edir Macedo desde a infância, no Rio, até os anos 90

Longa mostra a trajetória de Edir Macedo desde a infância, no Rio, até os anos 90

Divulgação

Nada a Perder mostra a trajetória do bispo Edir Macedo, líder fundador da Igreja Universal, baseado nos livros da trilogia homônima. Protagonizado por Petrônio Gontijo, o longa estreou no Brasil em 29 de março e tem direção de Alexandre Avancini, produção da Paris Entretenimento, com distribuição da Paris Filmes e da Downtown Filmes. A obra se tornou a maior bilheteria da história do cinema nacional com 12,1 milhões de ingressos vendidos. 

Nada a Perder também é dono da maior distribuição internacional de um longa-metragem feito no Brasil. O filme chegou a 80 países nos cinco continentes. Para isso, a produção teve dublagem em 12 idiomas, incluindo chinês, coreano, japonês hebraico, polonês e russo.

    Access log