Cinema Salma Hayek pede equiparação salarial em Hollywood

Salma Hayek pede equiparação salarial em Hollywood

Exigência foi feita no festival de Cannes como alternativa para equiparação salarial entre homens e mulheres no cinema

Atriz luta por equiparação salarial em Hollywood

Atriz luta por equiparação salarial em Hollywood

BBC BRASIL

Salma Hayek aproveitou a ida ao Festival de Cannes, na França, para discursar sobre equiparação salarial em Hollywood.

— Os produtores não são os únicos que devem agir para acabar com a brecha salarial. Os atores também.

O discurso foi feito um dia após 82 mulheres da indústria do cinema exigirem o fim da discriminação nesse segmento.

Leia mais: Quem são as atrizes que acusam Harvey Weinstein de assédio - e até estupro

— Se o orçamento de um filme é de 10 milhões de dólares, a estrela masculina deve entender que, se pede 9,7 milhões, será difícil obter igualdade salarial.

Além dessa luta igualdade entre salários, a atriz também faz denúncias contra o produtor Harvey Weinstein, que é acusado de abusar sexualmente de diversas mulheres em Hollywood. O produtor nega. Para Hayek, trata-se de uma "estratégia de advogados" para desacreditar "mulheres 'de cor' que o acusam", como Lupita Nyong'o.

    Access log