Pop Mumuzinho lança disco com participação de Carolina Dieckmann: "Pode acreditar, ela é muito afinada"

Mumuzinho lança disco com participação de Carolina Dieckmann: "Pode acreditar, ela é muito afinada"

CD ainda traz participação de Zeca Pagodinho na faixa título

Mumuzinho lança disco com participação de Carolina Dieckmann: "Pode acreditar, ela é muito afinada"

Divulgação

Mumuzinho acaba de lançar o terceiro disco da carreira, Fala Meu Nome Aí. O projeto mostra que o músico fez o dever de casa para se estabelecer como um dos principais nomes da nova geração do samba. Sendo assim, músicas românticas e de festa, além de letras sobre pegação não estão ausentes do projeto. 

Ao todo, o disco traz 14 faixas, de autoria dos mais variados compositores que se destacam na atualidade. Porém, os dois maiores acertos do músico estão no resgate de Identidade, samba de 1992 de Jorge Aragão, e Desejo de Amar, gravada em 1991 por Eliana de Lima e que nessa versão aparece com a participação de Carolina Dieckmann. 

— Nas gravações do Esquenta, ela sempre cantava trechos de músicas minhas. Pode acreditar, ela é muito afinada. Um dia, em uma festa na casa dela, resolvi fazer o convite para a Carol participar do meu CD. O resultado é muito bom. E ainda resgatamos um sucesso de Eliana de Lima com esse dueto.

Zeca Pagodinho é outro convidado especial do disco. Um dos padrinhos de Mumuzinho na carreira, o sambista foi chamado para aparecer na faixa título.

Mas essas parcerias não serão utilizadas inicialmente para promover o novo disco do cantor nas rádios. A faixa escolhida para ser música de trabalho é Design, pagode moderno com letra sobre conquista. 

Mumuzinho quer que o disco fortaleça sua imagem e nome como músico. A ideia dele é passar o ano dedicado a esse projeto.

Sendo assim, Mumuzinho exclui a possibilidade de voltar a atuar no curto prazo. Não vai ser agora que veremos o ator que teve participações em filmes como Tropa de Elite, Xuxa Pop Star e Cidade de Deus novamente nas telonas.

— Gostaria de voltar a atuar, mas é difícil conciliar no momento. Mas não descarto essa possibilidade. Entrei na vida artística querendo ser ator, então nunca vou desistir desse meu outro lado.

    Access log