Keila Jimenez Paolla Oliveira vai à Delegacia denunciar pornô atribuído à ela

Paolla Oliveira vai à Delegacia denunciar pornô atribuído à ela

A atriz deve comparecer hoje à Delegacia de Crimes Virtuais para prestar queixa sobre vídeo pornográfico atribuído à ela e compartilhado

Paolla Oliveira e a sósia norte-americana Verônica Radke

Paolla Oliveira e a sósia norte-americana Verônica Radke

Reprodução

A atriz Paolla Oliveira deve ir à Delegacia de Crimes de Informática, no Rio de Janeiro, nesta segunda-feira (15). A atriz prestará queixa sobre um vídeo pornográfico atribuído à ela, que viralizou no início de julho.

O advogado de Paolla, Ricardo Brajterman, já notificou o “XVideos”, responsável pelo vídeo, para que retirasse a filmagem de sua plataforma. O site logo atendeu.

Mas gravação continua circulando entre grupos de WhatsApp. “Vamos atrás do homem que narra o vídeo afirmando ser a Paolla nas imagens”, disse o advogado. As pessoas que estão compartilhando e publicando o vídeo também será processadas.

A mulher que aparece no vídeo erótico é uma sósia da atriz brasileira,  a norte-americana Verônica Radke. Verônica aparece em vários vídeos pornográficos e filmes.

Vale lembrar que essa não é a primeira vez que Paolla é vítima de crime virtual. Durante a gravação da minissérie "Assédio", a atriz teve fotos sem roupa compartilhadas.