Keila Jimenez Tatá Werneck discute com fã nas redes sociais e assunto impressiona

Tatá Werneck discute com fã nas redes sociais e assunto impressiona

Humorista foi criticada por uma internauta por debochar da depilação feminina e não deixou barato, abriu uma discussão séria sobre o assunto

Tatá Werneck partiu para o ataque nas redes sociais

Tatá Werneck partiu para o ataque nas redes sociais

Reprodução

Tatá Werneck não é de deixar para amanhã o que pode dizer hoje.

E é assim com fãs também. Tanto é que comprou um briga com uma internauta por uma questão, digamos, diferente.

A discussão foi sobre depilação feminina, isso mesmo.


Após publicar uma prévia de um episódio da próxima temporada do 'Lady Night', seu programa na Multishow, com participação de Juliana Paes, Tatá acabou entrando em uma discussão sobre depilação e, consequentemente, sobre feminismo.


No vídeo, Juliana falando sobre depilação definitiva e Tatá faz piada sobre os tipos de depilação íntima.

Eis que uma internauta resolveu criticar o assunto do programa.

"Tatá, você é demais mas perde a oportunidade de trazer discussões de gênero importantes. Faz depilação só por causa de macho? A Depilação deveria ser para você! Olha o machismo estrutural atacando", escreveu a seguidora.

Tatá não deixou barato. E falou que a mulher tem liberdade para fazer a depilação pelo motivo que quiser.

"Tentar definir quais os motivos corretos para uma mulher optar por uma depilação é uma forma de nos aprisionar também!", explicou a humorista.

A discussão seguiu adiante com a fã questionando a ridicularização de Tatá com relação a quem não se depila.

"Ser famosa não te garante que você pode lacrar em cima de quem estuda e luta mais que você, beijo!", postou a jovem.

Tatá rebateu.

" Pera aí! Dizer que uma mulher 'que estuda e luta mais que você' está indo de encontro à toda a luta pela sororidade, amor. Agora é competição de quem é mais feminista? Você não conhece as minhas lutas. Não to lacrando, nem sei fazer isso. Sou bagaceira, não tenho esse objetivo. Estou apenas trabalhando! Depois de lutar pra ter meu espaço, onde eu pudesse ser quem sempre fui, falando as coisas que sempre falei, sem ser julgada. Mas agora é competição de mulheres contra mulheres? Você tá de qual lado? Eu tenho direito de não gostar de pelos em mim! E mesmo assim, nessa brincadeira, eu disse que alterno entre super peluda e nada peluda. Eu não posso discriminar a escolha dos outros. Aí estou errada. Mas em mim, eu posso gostar ou não, amor! Qualquer mulher tem o direito de se depilar ou não, como bem entender! E ninguém pode interferir. Não tenho o menor problema com peludas, você já viu meu braço? Parece uma perna! Quem sou eu para falar de pelos? Estou apenas brincando e sendo feliz!", escreveu Tata.

    Access log