Thriller de Lynda La Plante é ótimo e eletrizante

Publicado originalmente nos anos 1980, livro ganha primeira edição no Brasil

Thriller prende leitor em enredo de crimes

Thriller prende leitor em enredo de crimes

Divulgação

“Quando as sirenes foram ligadas, o motorista da van entrou em pânico, se virou para olhar para trás e, naquela mesma fração de segundo, dando continuidade ao plano, o homem ao volante do caminhão pisou no freio, forçando o carro-forte a fazer o mesmo. Quando o motorista da van voltou a olhar para a frente, já era tarde demais. Ele bateu no carro-forte e os rapazes que fugiam da polícia bateram em sua traseira. Os impactos quase simultâneos fizeram com que o assaltante no banco do carona fosse lançado para a frente. A gelatina explosiva foi arrancada de sua mão e bateu no painel, provocando uma explosão e formando uma bola de fogo que tomou conta do interior da van. Os três assaltantes armados ficaram presos dentro do veículo. As chamas e a fumaça impediam a abertura da porta do motorista. Ninguém podia se aproximar, ninguém podia ajudá-los, mas todos ouviram seus gritos quando o tanque de combustível explodiu e destruiu o que restava da van. Na terrível confusão que se seguiu, ninguém notou o motorista do caminhão de pão. Sem acreditar no que acontecia, ele observou tudo por alguns segundos, correu de volta ao caminhão e saiu da passagem subterrânea.”

Na tentativa de colocar em prática um plano audacioso para roubar um carro-forte, um grupo de assaltantes acaba perdendo a vida. Inconformadas, suas viúvas decidem concluir o trabalho — e farão de tudo para ter sucesso nessa missão tão perigosa. Cheia de reviravoltas, a história de As Viúvas, criada pela autora inglesa Lynda La Plante, se consagrou, na década de 1980, em dois formatos: foi apresentada primeiro ao público como uma minissérie de seis episódios na TV londrina e depois transformada em um livro — que ganha agora sua primeira edição no Brasil.

Dolly, Linda e Shirley, as protagonistas do romance, nunca foram exatamente grandes amigas. O luto, entretanto, vai aproximá-las. É Dolly quem encontra os esquemas dos roubos planejados pelo marido e os colegas. Ela se vê então diante de uma difícil decisão: se livrar dos documentos e voltar à sua vida pacata ou entregar a descoberta a gângsteres que querem tomar de vez o mundo do crime. Por fim, contra todas as expectativas, tem a ideia de recrutar as outras viúvas e seguir adiante com o último plano. Com coragem, as personagens se dedicam aos preparativos, ainda que o caminho até o roubo perfeito não seja nada simples.

Com protagonistas femininas fortes e uma narrativa surpreendente, As Viúvas tem a marca criativa de Lynda. Considerada na Inglaterra a “rainha dos dramas criminais”, a escritora figurou ano passado em uma lista do “Telegrafa das 14 mulheres que mudaram a TV.

As Viúvas
Tradução de  Alexandre Raposo
400 páginas
R$ 49,90 (impresso)
R$ 34,90 (e-book)
Editora Intrínseca

    Access log