Familiares e fãs de participantes de "A Fazenda" se unem em torcida

Aproximação começou nas redes sociais em função da amizade de peões 

Ana, Flávia, Marcelo e Matheus se aproximaram no jogo
Ana, Flávia, Marcelo e Matheus se aproximaram no jogo Reprodução/Twitter

Não são só os fãs, amigos e familiares de Marcelo Ié Ié que estão querendo que ele vença a roça contra Fábio Arruda nesta quinta-feira (5) em A Fazenda - Nova ChanceA torcida do humorista ganhou força com o apoio de outros peões: Flávia Viana, Matheus Lisboa e Ana Paula Minerato. Com a amizade formada entre o quarteto, as famílias dos participantes também se uniram.

Alexandre Nóbrega, primo da ex-BBB, conta como surgiu essa aproximação.

— Foi algo bem natural, bem tranquilo. Acho que foi acontecendo conforme as coisas foram rolando na Fazenda. Quando a Flavia estava com o Matheus ou com o Marcelo brincando, um perfil do Twitter marcava o perfil do outro ou republicava alguma foto divertida... a gente sempre procura interagir, então acho que isso foi aproximando as torcidas. 

O primo de Flávia diz que o foco é total na permanência de Marcelo no reality show.

— Quando ela estava na roça, eles nos apoiaram muito. Agora também estamos pedindo votos pra ele. A gente tem um contato bem legal, com todos. Eles são bem parceiros. 

Quarteto já virou queridinho dos internautas
Quarteto já virou queridinho dos internautas Reprodução/Twitter

Além da aproximação das famílias, os internautas também uniram as forças pelo quarteto. A hashtag #AnaTheusFlaCelo, que representa o apelido de cada um, chegou até a ficar entre os assuntos mais comentados do Twitter. Para o primo de Flávia, o que acontece no confinamento acaba se refletindo aqui fora.

— Eles se uniram no programa, então a gente começou a se unir também. Querendo ou não, estamos cuidando da rede social deles, então, se eles têm uma amizade lá dentro, por que não ser amigo aqui fora também? E os internautas vão a loucura, né? 

"Ninguém chega lá sozinho, você tem que fazer alianças num jogo"
Sylvia Minerato

Sylvia Minerato, mãe de Ana Paula, reforça o discurso de Alexandre e diz que, do lado de fora, tenta manter a linha de raciocínio da filha no jogo.

— Não dá pra gente ser amigo de quem é inimigo dela. A gente assiste pra poder acompanhar, depois conversa sobre o que vai ser postado. Quando ela indicou a Bombom pra roça, a gente, é claro, pediu votos pra Flávia ficar. O pessoal do Marcelo, que está na roça, entrou em contato pedindo uma força e a gente achou legal ajudar. Então, a gente procura seguir o que acontece lá dentro.

Para a mãe da peoa, as amizades que a filha fez até agora foram importantes.

— Acho que ninguém chega lá sozinho, você tem que fazer alianças num jogo. Não dá pra se isolar, é ruim pro participante e também pra quem está assistindo, porque vai ver que ela está lá sozinha.