Ludmilla processa Val Marchiori por injúria racial

Funkeira exige indenização por danos morais após comentário da socialite no Carnaval

Ludmilla entrou com processo contra Val Marchiori
Ludmilla entrou com processo contra Val Marchiori Montagem R7

Ludmilla abriu processo contra Val Marchiori na Justiça do Rio de Janeiro, exigindo indenização por danos morais. A briga entre as duas começou no Carnaval deste ano, quando a socialite, comentando as fantasias das musas na Rede TV!, disse que a funkeira "tinha cabelo de bombril".

Ofendida pelo comentário, Ludmilla criticou o pensamento racista de Val Marchiori e resolveu tomar providências na Justiça.

Em entrevista à coluna de Leo Dias, do jornal O Dia, o advogado de Ludmilla, Wanderley Moreira da Costa, falou mais sobre o caso.

— Minha cliente foi ofendida em um meio de comunicação de massa que é a TV. Caberia até uma ação criminal, mas Ludmilla resolveu deixar de lado. Mas é claro que a gente espera pela condenação da Val.

Na época, Ludmilla não ficou calada e criticou Val Marchiori num desabafo, sem citar o nome da socialite.

— Tenho consciência de tudo que passei pra chegar aqui, vim de baixo SIM, mas lutei MUITO pra chegar onde estou e o mais importante, com um trabalho digno e honesto e com o apoio de toda a minha família e amigos que tenho orgulho de tê-los comigo sempre! Tenho muito orgulho da minha raça e não vai ser qualquer pessoa que vai me colocar pra baixo por puro preconceito, SER CHIQUE É TER VALOR E NÃO PREÇO.

Na semana passada, a Justiça expediu a notificação para Val Marchiori, sendo que a data da primeira audiência ainda não foi definida.

Acesse o R7 Play e assista à programação da Record quando quiser